Pense por um momento em como era brincar nas ondas na praia quando você era criança. Você caminhava até o oceano, talvez de mãos dadas com um amigo ou irmão, e se jogava impetuosamente contra a água que surgia. Era empolgante e divertido.

Quando você rastreia dados durante um tempo, isto também pode se parecer com ondas em um oceano e quando há um pico inesperado, também pode ser empolgante. De maneira geral, o “oceano” de tráfego de dados vem crescendo à medida que as estratégias globais de distanciamento social, tais como arranjos para o trabalho remoto ou classes online, vão se estabelecendo. Com a maioria da população permanecendo em casa, a Rede de Entrega de Conteúdo (CDN) da Centurylink percebeu níveis maiores de tráfego em sua infraestrutura global no último mês.

Com uma capacidade estimada de mais de 120 Tbps e 120 PoPs globalmente, a CenturyLink tem a força de sustentação para lidar com um crescimento estável de tráfego novo. O conhecimento por trás de redes robustas reside em tratar tanto o fluxo estável quanto surfar as grandes ondas. Muitos dos “picos” mais recentes são derivados de mudanças fundamentais no modelo de negócios da indústria de jogos.

Todos Querem Jogar

“A resposta global ao vírus COVID-19 criou uma plateia massiva cativa para certas indústrias, tal como a de jogos”, disse Bill Wohnoutka, vice-presidente de Serviços de Internet & Entrega de Conteúdo na CenturyLink. “Ao mesmo tempo, estamos vendo uma mudança radical em marketing por parte de importantes distribuidores de jogos, que estão agora expandindo seu público de títulos franqueados altamente populares, tornando-os “gratuitos para jogar” e em “downloads gratuitos para todos”.

Embora essa nova abordagem pela indústria de jogos tenha surgido antes da pandemia, ela foi acelerada nos últimos meses. Diversos lançamentos globais recentes causaram tensões significativas para sistemas de entrega baseados em nuvem, pois os downloads ocorriam simultaneamente em todas as geografias e em múltiplos dispositivos. Wohnoutka nota que a maioria desses picos de tráfego surpresa podem ser evitados através de simples cooperação e comunicação.

“Um dos pontos mais positivos a ser tirado desta crise tem sido a crescente disposição das empresas de jogos e dos provedores de rede de trabalharem juntos para criar uma boa experiência de usuário”, ele diz. “Pode ser algo tão simples quanto trabalhar com o pessoal de marketing para refinar a programação de lançamento de seus produtos, agilizar os aumentos de capacidade da rede entre redes, ou usar diferentes controladores de tráfego definidos por software para reduzir o consumo da rede”.

Surfando a Onda

Os picos de tráfego também podem surgir de outras fontes. Não supreendentemente, considerando quantas pessoas estão seguindo ordens para ficar em casa, a CenturyLink viu crescer o acesso durante o dia de provedores populares de conteúdo. Em março, anúncios do governo na TV europeia relativos ao COVID-19 levaram a uma demanda de tráfego 12 vezes mais alta do que havia sido necessário para apoiar um dos mais notáveis eventos esportivos globais.

A CenturyLink conduz exercícios de planejamento regulares com clientes, pares e partes interessadas internas para garantir o desempenho ideal da CDN. Ao permanecer proativa, a CenturyLink pode planejar aumentos de capacidade, trabalhar com clientes para executar estratégias adequadas de CDN e implementar a tecnologia certa para garantir um atendimento positivo ao cliente.

Enquanto isto, a “onda” do futuro para os jogos já chegou.

“Prevemos que os níveis elevados de downloads de jogos chegaram para ficar, assim como as estratégias de longo alcance que implementamos para atender às demandas quando deixarmos para trás a crise do COVID”, disse Wohnoutka.

Visite news.centurylink.com/covid-19 para mais informações sobre como a CenturyLink está mantendo as empresas conectadas.

Blog original em inglês: https://blog.centurylink.com/riding-the-wave-the-name-of-the-game-is-cooperation/

Autor:
William Wohnoutka
Vice President of Global Internet & Content Delivery Services at CenturyLink.

Bill Wohnoutka atualmente é vice-presidente de serviços globais de entrega de conteúdo e Internet da CenturyLink. Nessa função, ele lidera uma equipe de gerentes de produto responsáveis pelos serviços de Acesso à Internet, Content Delivery Network e Vyvx Broadcast Transport da CenturyLink, uma linha de produtos que gera quase US $ 2 bilhões em receita anual. Nos últimos 20 anos, Bill ocupou vários cargos de liderança nas organizações de vendas e marketing da CenturyLink. Bill é um orador público bem-sucedido e líder do setor, com especialização vertical em Mídia e Entretenimento, Serviços Financeiros, Assistência Médica. Bill é bacharel em redação técnica e profissional pela San Francisco State University.

Disponible en Español (Espanhol)